skip to Main Content

CDL-BG vê com otimismo medida que permite descontos para compras à vista

Anunciada no final de 2016, a Medida Provisória 764, do Governo Federal, autoriza os lojistas a cobrarem preços diferenciados para as vendas de acordo com os prazos e as modalidades de pagamento. A nova regra, que formaliza a possibilidade de que os comerciantes possam oferecer descontos para os consumidores que optarem pelas compras à vista, é recebida com otimismo pela Câmara dos Dirigentes Lojistas de Bento Gonçalves (CDL-BG). A entidade acredita que a mudança possa dar um novo estímulo para a economia local.

Na avaliação do presidente, Marcos Carbone, a vantagem nesse novo formato de negociação é a flexibilidade que os empresários terão para oferecer novos atrativos aos clientes, especialmente em termos de abatimento de preços. Hoje, por exemplo, micro e pequenas empresas sentem o peso de taxas de cartão de crédito que variam de 3% a 5%, e reduzem o potencial competitivo do comércio.

Já em vigor, a medida ainda exigirá um período de adaptação por parte dos lojistas, que, na visão de Carbone, devem avaliar as melhores formas de colocá-la em prática. “Cada estabelecimento precisará analisar o melhor caminho para que essa seja uma oportunidade melhorar os negócios. Os empresários têm, agora, uma nova ferramenta para gerir suas vendas e, se ela for usada da maneira correta, com certeza dará um impulso importante para aumentar o fluxo de clientes e o faturamento”, conclui Carbone.

Back To Top