05.07.2017

Comércio cobra efetividade no combate a criminalidade

Abrir as portas de um estabelecimento comercial é um desafio diário – não apenas pela necessidade de buscar diferenciais competitivos para surpreender os clientes, mas principalmente, pela ameaça constante da criminalidade. Preocupada com a manutenção desse cenário de risco, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Bento Gonçalves (CDL), reuniu representantes de órgãos de segurança na manhã de 04 de julho para debater o problema da falta de segurança no município, cobrando ações efetivas em busca de soluções.

Participaram da reunião o presidente da CDL, Marcos Carbone; o vice-presidente, Joel Rasera da Silva; o subcomandante do 3º Batalhão de Policiamento de Áreas Turísticas (3º BPAT), major Álvaro Martinelli; o delegado Arthur Reguse, titular da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DDPA); a delegada Maria Isabel Zerman, titular da 1ª Delegacia de Polícia; o presidente da Câmara de Vereadores, Moisés Scussel; o Secretário Municipal de Segurança, José Paulo Marinho; o presidente do Consepro e diretor do CIC-BG, Elton Gialdi, e o presidente do Sindilojas, Daniel Amadio.

No encontro, a CDL-BG reivindicou a tomada de medidas capazes de coibir a violência que ameaça que atua no varejo. “O momento é de unificar os esforços no sentido de criar uma rede capaz de inibir as investidas criminosas. É a união das entidades e do comércio que vai nos fazer mais fortes no combate as mazelas sociais. A hora é de aproximar o nosso associado das forças policiais, e não de afastá-los. Com isso, quem ganha é o comércio, sem dúvida, e também toda a comunidade, que contará com um entorno muito mais seguro para sua convivência”, disse o presidente da CDL, Marcos Carbone.

De forma proativa, prontificou-se em encampar ações alinhadas a essa finalidade. A primeira delas foi o compromisso de sediar reuniões com agentes das polícias Civil e Militar, Consepro e Secretaria Municipal de Segurança com o objetivo de instruir os comerciantes na adoção de medidas para tornarem seus estabelecimentos mais seguros. Nesses encontros, eles também serão orientados a adotar comportamentos preventivos e defensivos no exercício de suas atividades. Essa ação será brevemente agendada, aberta a todos os que atuam no segmento.

Outro ponto debatido no encontro foi o compromisso de incentivar o uso da plataforma online para o registro de ocorrências (www.delegaciaonline.rs.gov.br), sem a necessidade de deslocamento à delegacia. “Essa colaboração é muito importante a identificação para a condenação criminal”, alertou o delegado Arthur Reguse, titular da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DDPA). Isso porque permite consolidar um mapa real da questão da segurança no município – dados que favorecem a consecução de reivindicações como aumento do efetivo ou repasse de recursos por parte do Estado, por exemplo.

Apenas neste ano, segundo estatísticas da Brigada Militar, o comércio de Bento Gonçalves registrou 88 casos de furto e arrombamento, contra 79 ocorridos entre janeiro e junho de 2016. Já os roubos a estabelecimentos comerciais – quando há uso de arma –, caíram 67,5% em relação ao ano passado. “Conseguimos fazer um bom trabalho com a Polícia Civil e o Judiciário e condenar os criminosos responsáveis por esses roubos”, comemorou o subcomandante do 3º Batalhão de Policiamento de Áreas Turísticas (3º BPAT), major Álvaro Martinelli. Ele reforçou para que os lojistas acionem o 190 em caso de urgência e solicitou que as empresas privadas de segurança, quando acionadas, enviem com maior rapidez imagens de monitoramento eletrônico.

A pauta de trabalho encerrou com o comprometimento coletivo dos representantes – cada um em sua esfera assumiu o compromisso de agir de forma proativa em busca de resoluções. A Secretaria de Segurança, pasta criada neste ano e dirigida por José Paulo Marinho, firmou a continuidade do compromisso de auxiliar as forças policiais, principalmente na área central. O Presidente do Legislativo, Moises Scussel, adiantou a que projetos estão em fase de estudo envolvendo a comunidade – com ações junto a escolas.

 

Integrantes da comitiva que participou do encontro na CDL-BG tiveram audiência com a Secretaria de Segurança do Estado do Rio Grande do Sul na tarde de quarta-feira (05), oportunidade em que apresentaram uma pauta de reivindicações em prol da segurança pública – entre elas o aumento de efetivo atuante em Bento Gonçalves.







 
Rua Mal. Deodoro, 139 - Sala 208/216 - Ed. Zanoni - Centro - Bento Gonçalves - RS
Fone: 54 3455-0555 - SPC: 54 3455-0550
 
Copyright © 2009 Câmara de Dirigentes Lojistas de Bento Gonçalves
Todo o conteúdo deste site é de uso exclusivo
Proibida reprodução ou utilização a qualquer título